Rio de Janeiro reduz intervalo entre as doses da vacina da Pfizer para adolescentes

0
13
Anúncio


A partir de agora, todas as pessoas habilitadas a receber o imunizante podem tomar a segunda dose apenas 23 dias depois da primeira na capital fluminense

ADRIANA TOFFETTI/A7 PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO – 17/10/2020 Medida foi tomada após a chegada de novos lotes de vacinas no Rio de Janeiro

Todas as pessoas que tomaram a primeira dose da vacina da Pfizer contra a Covid-19 no Rio de Janeiro vão poder receber a segunda dose em um intervalo mais curto, de 23 dias. A prefeitura da cidade vinha reduzindo o intervalo por faixas etárias e, neste final de semana, começou também a aplicar a segunda dose em adolescente com 12 anos ou mais que já tinham tomado a primeira dose em um intervalo superior de 21 dias. O intervalo foi reduzido porque chegaram mais vacinas nos últimos dias. Há uma forte adesão à campanha de imunização na cidade do Rio, onde 99% das pessoas com mais de 12 anos já tomaram a primeira dose da vacina contra a Covid-19 e 86,6% tomaram a segunda dose. 87,5% da população total já tomou a primeira dose da vacina na cidade e mais de 75% já tomou duas doses do imunizante ou dose única da Janssen.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga





Source link

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui